EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Poluição sonora afeta saúde de um quinto dos europeus

Poluição sonora afeta saúde de um quinto dos europeus
Direitos de autor Euronews
Direitos de autor Euronews
De  Isabel Marques da SilvaGregoire Lory
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Existem cerca de 12 mil mortes prematuras, por ano, devido à exposição ao ruído ambiental, revela o relatório da Agência Europeia do Ambiente, publicado esta quinta-feira.

PUBLICIDADE

A poluição sonora continua a aumentar na União Europeia e pelo menos um em cada cinco europeus está exposto a níveis de ruído considerados prejudiciais para a saúde. 

Esse número deverá aumentar nos próximos anos, segundo os dados do relatório de poluição ambiental da Agência Europeia do Ambiente, publicado esta quinta-feira.

"Estimamos que existem cerca de 12 mil mortes prematuras, por ano, devido à exposição ao ruído ambiental. Ao nível de outras consequências desta poluição estão os cerca de 48 mil casos anuais de doenças cardíacas isquémicas, ligadas ao excesso de ruído. Outro impacto é a perturbação do sono, que afeta uma grande parte da população", explicou Eulalia Peris, especialista em poluição sonora da Agência Europeia do Ambiente

A própria agência admite que estas estatísticas subestimam a gravidade do problema e que o aumento contínuo da circulação e da construção são preocupantes.

Como o tráfego rodoviário é a principal fonte de poluição sonora na Europa, estão a ser estudadas soluções. Uma delas é criar maior distância entre as urbanizações e as rodovias, outra passa pela gestão mais eficiente dos fluxos de tráfego, incluindo limitações na velocidade dos veículos nas localidades.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ator Mark Ruffalo falou de poluição aos eurodeputados

Dar uma segunda vida aos "monstros" domésticos e reduzir a poluição

Soluções contra o ruído do tráfego rodoviário