This content is not available in your region

Um carregador para vários dispositivos. Parlamento Europeu diz "sim"

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Bruxelas diz que o carregador universal permitirá poupar cerca de 250 milhões de euros aos consumidores
Bruxelas diz que o carregador universal permitirá poupar cerca de 250 milhões de euros aos consumidores   -   Direitos de autor  Thierry Monasse/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.   -  

Um só carregador para vários dispositivos. Em breve deverá tornar-se realidade.

Com 602 votos a favor, 13 contra e oito abstenções, o Parlamento Europeu aprovou hoje as novas regras que vão introduzir na União Europeia (UE) um carregador universal para smartphones, tablets ou câmaras.

A partir do outono de 2024, os europeus deverão passar a precisar apenas de um carregador do modelo USB-C. Já em 2026, o carregador único passa a ser também regra para os computadores.

A gigante tecnológica Apple será uma das mais afetadas com a "luz verde" de Estrasburgo.

Na prática, terá de abandonar o exclusivo sistema Lightning, usado para carregar iPhones ou outros dispositivos, a favor de uma ligação USB-C, tal como já acontece com os dispositivos baseados no sistema Android, como os da Samsung e da Huawei.

"Basicamente, no que diz respeito aos smartphones, o elefante na sala é a Apple. Para a Apple poder vender os seus produtos no mercado único europeu, terá de obedecer ao padrão do modelo de carregador USB-C a partir de 2024", sublinhou o eurodeputado socialista maltês Alex Agius Saliba.

O acordo ainda precisa do aval do Conselho da União Europeia, antes ser publicado no Jornal Oficial da UE. 

Entrará mais tarde em vigor e as disposições deverão começar a ser aplicadas no outono de 2024.

Bruxelas diz que o carregador universal permitirá poupar cerca de 250 milhões de euros aos consumidores.