EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Estará o exército alemão já a combater na Ucrânia?

Tanques "Leopard" têm sido notícia na Rússia
Tanques "Leopard" têm sido notícia na Rússia Direitos de autor Mindaugas Kulbis/AP Photo
Direitos de autor Mindaugas Kulbis/AP Photo
De  Sophia Khatsenkova
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A jornalista Sophia Khatsenkova conduz mais uma edição do #TheCube e desmonta uma nova informação suspeita que tem corrido pelas redes sociais sobre a invasão russa da Ucrânia

PUBLICIDADE

Será mesmo verdade que soldados do exército alemão foram mortos em combate na Ucrânia? Um agência estatal russa de notícias alega que sim e por isso fomos investigar esta suposta intervenção direta de uma força ocidental contra as forças do Kremlin.

A ser verdade, seria um rastilho explosivo porque implicaria soldados da NATO diretamente nos combates com as forças russas que invadiram a Ucrânia em fevereiro de 2022.

As notícias, aparentemente veiculadas primeiro pela agência "Ria Novosti", em 23 de setembro, avançam que oficiais das forças armadas russas teriam destruído na Ucrânia um tanque "Leopard", de fabrico alemão e com uma equipa a bordo totalmente composta por elementos do "Bundeswehr", o exército germânico.

Ao lermos o artigo, encontramos alguns sinais que nos levaram a desconfiar da veracidade destas alegações russas.

Investigámos também os comunicados do Ministério da Defesa da Alemanha.

Veja o vídeo em cima para ver esclarecidas estas alegações da Rússia sobre a suposta intervenção alemã no palco de guerra da invasão da Ucrânia e qual a estratégia do Kremlin ao difundir desinformação.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

As autoridades russas encontraram um passaporte russo secreto da primeira-dama da Ucrânia?

Veto da Hungria à ajuda militar à Ucrânia ensombrou reunião da UE em Kiev

França e Alemanha apanhadas por grandes redes de desinformação antes das eleições europeias