EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Rússia acelera destruição de cidades de linha de frente na Ucrânia

Ataques com bombas da era soviética adaptadas estão a dizimar cidades da linha da frente na Ucrânia
Ataques com bombas da era soviética adaptadas estão a dizimar cidades da linha da frente na Ucrânia Direitos de autor AP/Ukrainian Liut Brigade, Tsunami Assault Regiment
Direitos de autor AP/Ukrainian Liut Brigade, Tsunami Assault Regiment
De  Euronews com AP
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Pelo menos 4 pessoas foram mortas e 14 ficaram feridas nos ataques aéreos russos da última noite a 13 oblasts ucranianos.

PUBLICIDADE

A Rússia acelerou a destruição de cidades de linha de frente na Ucrânia, expandindo o alcance dos ataques aéreos. O exército está a usar bombas da era soviética adaptadas a baixo custo com componentes eletrónicos importados, que permitem aos aviões de guerra lançá-las a maior distância. 

De acordo com relatos da imprensa ucraniana, 4 pessoas foram mortas e outras 14 ficaram feridas em ataques russos a várias cidades ucranianas nas últimas 24 horas.

Um total de 13 oblasts ucranianos foram atingidos por ataques: Chernihiv, Mykolaiv, Luhansk, Lviv, Vinnytsia, Kirovohrad, Kiev, Zaporíjia, Sumy, Kherson, Dnipropetrovsk, Kharkiv e Donetsk.

Duas pessoas foram mortas na cidade de Toretsk e na aldeia de Rozkishne, na região de Donetsk, segundo o governador Vadym Filashkin.

Três homens ficaram feridos noutro ataque russo na região de Dnipropetrovsk durante a noite, disse o governador Serhii Lysak. Dois tiveram de ser hospitalizados.

O ataque também danificou sete casas, várias infraestruturas elétricas e automóveis.

Em Kharkiv, os ataques aéreos russos nas aldeias de Novoosynove e Kruhliakivka no distrito de Kupiansk feriram dois homens e uma mulher, informou o governador Oleh Syniehubov.

Um ataque à aldeia de Vilkhivka matou uma mulher e feriu um homem, danificando 10 casas, segundo as autoridades locais.

Em Kherson, os ataques danificaram 14 casas, dois arranha-céus, infraestruturas de gás, algumas propriedades agrícolas e um centro comercial, adiantou o governador Oleksandr Prokudin. Uma pessoa foi morta e três ficaram feridas na região.

A Rússia lançou nove mísseis e 27 drones contra a Ucrânia durante a última noite. Segundo a Força Aérea Ucraniana, todos os drones e cinco mísseis foram abatidos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Kim Jong-un promete apoio total a Putin na invasão russa da Ucrânia

Ataque ucraniano com drone incendeia depósito de petróleo na Rússia

Familiares de soldados ucranianos em cativeiro protestam em Kiev