"Precisamos de tecnologia que se inspire na ecologia"

Em parceria com The European Commission
"Precisamos de tecnologia que se inspire na ecologia"
Direitos de autor euronews
De  Claudio Rosmino
Partilhe esta notícia
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A euronews falou com Wijnand Sukkel, um dos gestores da Quinta do Futuro, nos Países Baixos.

Um projeto de investigação financiado pela União Europeia aposta na alta tecnologia para criar práticas agrícolas sustentáveis.

A euronews falou com Wijnand Sukkel, um dos gestores da Quinta do Futuro, nos Países Baixos.

"Por que é que a agricultura não está preparada para o futuro? Porque estamos a praticar a monocultura. Temos cinco, dez ou vinte centenas de hectares exatamente iguais em todos os sítios. Tal como na Covid-19, é uma questão de distanciamento físico: se colocarmos lado a lado um elevado número de indivíduos geneticamente iguais, as pragas espalhamse muito rapidamente. Passa-se o mesmo na agricultura: grandes superfícies, a mesma cultura, o que obriga a usar pesticidas", indicou o cientista.

Reduzir a compactação dos solos

Os investigadores dos Países Baixos procuram soluções para reduzir o fenómeno de compactação dos solos. "A agricultura é feita com máquinas pesadas que tornam o subsolo compacto. E esse fenómeno impede a água de se infiltrar. E em caso de seca, há pouca água. Temos de fazer tudo numa camada de 25 centímetros. A compactação do solo e a estrutura do solo são um dos problemas da agricultura atual”, resumiu Wijnand Sukkel.

Novo paradigma agrícola

A crise climática, o aumento das emissões de CO2, o declínio da biodiversidade e da qualidade do solo obrigam a humanidade a mudar de paradigma. "Antigamente, a agronomia acompanhava a tecnologia. Agora, precisamos de tecnologia que se inspire na ecologia”, resumiu o investigador.

Partilhe esta notícia

Notícias relacionadas

"Seja você a conduzir o carrinho de compras, não o contrário"

Reduzir os pesticidas, um desafio da UE