EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Cansado do trabalho? Saiba quais são os países da Europa em que mais se descansa

ARQUIVO: Mulher a dormir profundamente na sua cama
ARQUIVO: Mulher a dormir profundamente na sua cama Direitos de autor Canva
Direitos de autor Canva
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

Parece que Portugal é um dos países da Europa em que mais se descansa. Surge na quarta posição, a seguir à Eslováquia, Finlândia e Bulgária, num estudo britânico.

PUBLICIDADE

Pode não ser a metodologia científica mais rigorosa, mas um comerciante britânico de colchões e mobiliário de quarto analisou oito fatores para determinar quais são, de entre 28 países europeus, aqueles que oferecem mais descanso.

Os fatores considerados incluíam dados sobre o número máximo e mínimo de horas de trabalho, o direito a férias, tempo de pausa que os trabalhadores têm direito por dia e a percentagem da população que dorme 7 horas ou mais por noite.

O inquérito concluiu que a Eslováquia é o país mais descansado da Europa. Entre as razões que explicam o facto de os eslovacos terem mais descanso, contam-se 28 dias de férias pagas por ano, mais 15 dias de feriados e 12 horas de descanso entre turnos de trabalho, quando a maioria dos países da Europa tem um mínimo de apenas 11 horas entre turnos.

Em segundo lugar ficou a Finlândia, com 83% das pessoas a dormirem 7 ou mais horas por noite, o valor mais elevado de todos os países inquiridos. Os trabalhadores da nação nórdica também têm direito a pausas de uma hora no trabalho, as mais longas - tal como em Portugal - dos 28 países que constam do inquérito. Os finlandeses têm também uma das mais baixas médias anuais de horas trabalhadas por pessoa.

A Bulgária ficou em terceiro lugar, em grande parte graças ao facto de os seus trabalhadores terem direito a pausas ininterruptas de 48 horas por semana em dias consecutivos, um dos quais é o domingo.

Portugal surge em quarto lugar, com 74.87% dos inquiridos a declarar que dorme mais de sete horas. A contar para este ranking também o facto de Portugal ter os tempos de pausa de descanso no trabalho mais longos, que só são igualados pela Finlândia.

Gregos são os que menos descansam

No fim da lista estão a A Itália, os Países Baixos e a Grécia, que aparecem como os países onde menos se descansa.

Entre as razões que mantêm os gregos na cauda desta tabela contam-se apenas 20 dias de férias pagas e apenas 9 dias de feriados pagos por ano, para além de uns escassos 15 minutos de pausa durante o dia de trabalho.

Embora a metodologia seja questionável e as ponderações de cada fator desconhecidas, este é certamente um tema que interessa a um comerciante de colchões. E a si, interessa-lhe? Se sim, pode ver os resultados do estudo aqui.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Estudo revela que compensar a falta de sono durante o fim de semana não anula os danos

Quase um quarto da população da UE é fumadora, de acordo com uma nova investigação

Quase metade das mortes por cancro e 40% dos casos são causados por fatores evitáveis, segundo um novo estudo