Vídeo

euronews_icons_loading
Países reagem à nova variante considerada "preocupante" pela OMS