EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Ataque russo com mísseis faz seis mortos em subúrbio de Kharkiv

Soldado ucraniano
Soldado ucraniano Direitos de autor Andrii Marienko/AP
Direitos de autor Andrii Marienko/AP
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Entre as vítimas mortais está uma mulher grávida de sete meses. Investida russa causou ainda 28 feridos. Foi aberta uma investigação para apurar se houve crime de guerra, alegando-se que a Rússia tentou matar elementos da equipa de socorristas que assistiram os civis.

PUBLICIDADE

Um ataque russo com mísseis num subúrbio de Kharkiv no nordeste da Ucrânia matou seis pessoas, incluindo uma mulher grávida de sete meses.

Segundo as autoridades locais, 28 pessoas ficaram feridas na sequência desta investida, entre elas um paramédico.

Foi aberta uma investigação de crime de guerra, alegando-se que a Rússia utilizou uma tática destinada a matar civis e equipas de salvamento que tinham chegado ao local para assistir as pessoas atingidas pelo primeiro ataque.

A Rússia lançou uma ofensiva na região de Kharkiv nos últimos dias, aumentando significativamente a pressão sobre as forças ucranianas, que aguardam a entrega de armas e munições por parte do Ocidente.

"Há muitos tiros e os russos continuam a tentar avançar e tomar novas posições. Estamos a fazer tudo o que podemos para os impedir", afirma Igor, condutor de um veículo blindado M113.

Ucrânia nega avanço russo

O Ministério da Defesa russo afirmou que as tropas do Kremlin estão a avançar na direção das defesas ucranianas, enquanto o presidente da Ucrânia Volodymyr Zelenskyy frisa que as suas forças estão a "destruir" os soldados russos

"A ocupação não consegue atingir o seu objetivo de esticar as nossas forças e, assim, enfraquecer a Ucrânia numa vasta frente que vai de Kharkiv à região de Donetsk", salientou Zelenskyy na sua habitual comunicação de domingo. 

As forças ucranianas estão a tentar travar a Rússia utilizando drones carregados de bombas para destruir veículos militares.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Guerra na Ucrânia: dez mil pessoas obrigadas a abandonar Kharkiv

Ucrânia retira tropas na região de Kharkiv. Zelenskyy cancelou visita a Portugal e Espanha

Rússia ganha terreno na região de Kharkiv, quase seis mil ucranianos retirados da zona fronteiriça