Última hora
This content is not available in your region

Prémios WISE para projetos educativos excecionais

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Prémios WISE para projetos educativos excecionais
Tamanho do texto Aa Aa

Todos os anos, a cimeira mundial da Inovação em Educação, WISE, oferece 14 mil euros a projetos capazes de resolver problemas concretos.

Os prémios Wise 2013 foram atríbuídos a seis projetos educativos no Uganda, no Canadá, na Nova Zelândia, na Arábia Saudita, em Marrocos e na Irlanda.

O júri recebeu mais de 5 mil candidaturas.

“Fazer parte do júri dos prémios WISE foi difícil. Tínhamos 14 finalistas e tivemos de escolher seis. O trabalho que é feito em vários países do mundo tem uma qualidade impressionante e há diferentes projetos que tentam resolver diferentes tipos de problemas”, disse Maggie Aderin-Pocock, um dos elementos do júri.

Um dos prémios foi atribuído à associação canadiana Pathways, que procura reduzir o abandono escolar.

“Atualmente, temos cinco mil estudantes de Halifax até Winnipeg. A taxa de sucesso escolar aumentou 300%”, afirmou Carolyn Acker, responsável da Pathways.

O projeto Te Kotahitanga s’aposta na educação para melhorar o estatuto social, económico e político do povo Maori, na Nova Zelândia.

A relação entre professor e aluno é uma das chaves do sucesso.

“Ficámos surpreendidos. É a primeira vez que o prémio é atribuído à Nova Zelândia. Para nós, um pequeno país no fim do mundo, é uma honra”, disse Mere Berryman, uma das responsáveis pelo projeto.