EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Exército dos Camarões liberta refém alemão raptado na Nigéria pelo Boko Haram

Exército dos Camarões liberta refém alemão raptado na Nigéria pelo Boko Haram
Direitos de autor 
De  Dulce Dias
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

O exército camaronês libertou o refém alemão raptado, na Nigéria, em julho último, pelo grupo islamita Boko Haram. A operação militar foi levada a

PUBLICIDADE

O exército camaronês libertou o refém alemão raptado, na Nigéria, em julho último, pelo grupo islamita Boko Haram.

A operação militar foi levada a cabo conjuntamente com “países amigos”, fez saber o governo dos Camarões, sem mais pormenores.

À chegada ao aeroporto de Yaoundé, capital dos Camarões, Eberhard Robert Nitsch falou dos meses de cativeiro: “Sinceramente, pensei que acabariam por matar-me. Passavam o tempo a dar-me ordens tipo: senta-te, senta-te ali. Senta-te. E de cada vez que me sentava, era a escuridão absoluta, a escuridão absoluta. E não sabemos o que nos vai acontecer. Senta-te, fica aqui, vai ali. Sinceramente, foi algo muito traumatizante.”

Eberhard Robert Nitsch tem 69 anos e era professor, em Gombi, uma cidade do Estado de Adamawa, no norte da Nigéria, quando foi raptado.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Olaf Scholz de olhos postos no gás africano

Scholz promete melhorar o processamento de migração irregular

Campeonato europeu não tira economia alemã da estagnação