Dinamarca: Parlamento homenageia vítimas do ataque em Copenhaga

Dinamarca: Parlamento homenageia vítimas do ataque em Copenhaga
De  Fernando Peneda com EFE/AP-APTN
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

O Parlamento Dinamarquês observou um minuto de silêncio em homenagem às vítimas dos ataques do passado fim de semana em Copenhaga. O alegado autor

PUBLICIDADE

O Parlamento Dinamarquês observou um minuto de silêncio em homenagem às vítimas dos ataques do passado fim de semana em Copenhaga.

O alegado autor matou duas pessoas e feriu cinco, acabando por ser morto pela polícia horas mais tarde.

Entretanto os serviços secretos dinamarqueses admitiram terça-feira que tinham sido informados da possível radicalização do suspeito em setembro último, quando esteve detido por ter esfaqueado um jovem num comboio.

“Trata-se mais do comportamento de um jovem desesperado, com muitos problemas sociais e conflitos com o sistema… Provavelmente na prisão encontram alguns grupos onde se sentem mais confiantes e são influenciados por mensagens de radicalização”, afirmou Lars Erslev Anders, especialista em terrorismo.

No centro de Copenhaga, sob forte vigilância e grande tensão, muitas pessoas continuam a dirigir-se à sinagoga de Krystalgade para homenagear as vítimas do ataque.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Dinamarca em estado de alerta. Polícia neutraliza embrulho suspeito

Incêndio num dos mais antigos edifícios de Copenhaga terá destruído séculos de património cultural

Incêndio faz colapsar pináculo de edifício histórico da bolsa de Copenhaga