A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Ciclone violento ceifa vidas em Vanuatu

Ciclone violento ceifa vidas em Vanuatu
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um dos piores ciclones da história do Pacífico abateu-se, na noite de sexta-feira, sobre o arquipélago de Vanuatu.
Uma violenta tempestade associada ao ciclone semeou a destruição e causou dezenas de mortos.

Responsáveis locais das Nações Unidas falam de mais de uma quarentena de vítimas mortais, mas é ainda impossível conhecer um número total ou avaliar a amplitude dos estragos.

O ciclone Pam, de categoria 5, a mais elevada, deixou à sua passagem um rasto de desolação, com as comunicações totalmente cortadas em quase toda a região.

Estradas e condutas de energia ficaram cortadas e muitos edifícios destruídos, em consequência de chuvas violentas e ventos que atingiram durante a noite velocidades de 330 km/hora.

O ciclone atravessou a ilha principal de Vanuatu, onde vivem mais de 65 mil pessoas, e outras ilhas mais a sul, onde vivem 33 mil pessoas.

Alterando a trajetória subitamente, o ciclone atingiu a capital, Port Vila, com maior força que a que tinha sido prevista.

O serviço metereológico de Vanuatu anunciou para este sábado a continuação de ventos de grande força, chuvas torrenciais e inundações.