Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Washington admite ter de negociar com Assad

Washington admite ter de negociar com Assad
Tamanho do texto Aa Aa

Washington pronto a negociar com Bachar al Assad uma solução política que ponha fim a quatro anos de guerra civil Síria.

Numa entrevista, o secretário de Estado, John Kerry admite que perante a falta de alternativa para combater os jiadhistas há que encarar a possibilidade de trazer o ainda presidente sírio para a mesa das negociações.

“Não há uma solução militar. Há apenas uma solução política. Temos de obter do regime de Assad uma negociação e nós temos de deixar claro que a solução existe. Haja a determinação de todos para buscar esse resultado político e aceitar a ideia de negociação”.

“Estaria disposto a falar com ele?”
“Vamos ter de negociar !”.

A guerra na Síria já matou 215.518 pessoas, entre civis, militares, milicianos e rebeldes, desde o início, em meados de março de 2011.

Números que não incluem os mais de 20 mil desaparecidos nem os detidos ou assassinados pelos órgãos de segurança do regime.