A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Müller-Wohlfahrt, 38 anos de Bayern que chegaram ao fim no Porto

Müller-Wohlfahrt, 38 anos de Bayern que chegaram ao fim no Porto
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Mesmo com o título alemão praticamente assegurado o ambiente no Bayern de Munique é de cortar à faca e a onda de lesões não ajuda.

A derrota frente ao Porto levou à demissão de todo o departamento médico, liderado por uma das grandes referências mundiais na medicina desportiva, Hans-Wilhelm Müller-Wohlfahrt.

Após 38 anos no cargo, o alemão não gostou de ser responsabilizado pelo desaire na Liga dos Campeões e pediu a demissão, alegando uma quebra de confiança por parte do clube.

A relação do médico com o treinador Pep Guardiola estava longe de ser a melhor, sobretudo a partir do momento em que o técnico forçou o regresso do lesionado Thiago Alcântara sem o aval da equipa médica e acabou por agravar a sua lesão.