A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

FIFAgate: Putin acusa os Estados Unidos

FIFAgate: Putin acusa os Estados Unidos
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Para Vladimir Putin, a culpa é dos americanos. As detenções de membros da FIFA exatamente na véspera do congresso que deverá escolher o novo presidente da instituição fazem parte de uma manobra americana para evitar que Stepp Blatter seja reeleito, assim pensa, pelo menos, o presidente russo. Recorde-se que a Rússia ganhou o concurso para a realização do Mundial de Futebol de 2018.

Não tenho qualquer dúvida de que é uma tentativa de evitar a reeleição de Sepp Blatter para o cargo de presidente da FIFA - Vladimir Putin

“É mais uma tentativa óbvia, dos Estados Unidos, de alargarem a sua jurisdição a outros Estados. É evidente, e não tenho qualquer dúvida sobre isso, que é uma tentativa de evitar a reeleição de Sepp Blatter para o cargo de presidente da FIFA”, afirma Putin.

As declarações de Putin vêm reforçar as do seu ministro dos Desportos. Vitaly Mutko, que nega ter sido contactado pelas autoridades que investigam o caso, garante que a Rússia “não tem nada a esconder” no processo de atribuição do Mundial.