Última hora

Interpol emite "alerta vermelho" contra ex-dirigentes da FIFA

Interpol emite "alerta vermelho" contra ex-dirigentes da FIFA
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Novo desenvolvimento no escândalo financeiro que assola a FIFA.

A Interpol emitiu esta quarta-feira um “alerta vermelho” relativo a seis homens com ligações à organização, por suspeitas de extorsão, conspiração e corrupção.

Na lista estão dois antigo altos dirigentes da FIFA: Jack Warner, ex-vice-presidente da organização e ex-presidente da CONCACAF, e Nicolás Leoz, antigo membro do comité executivo e presidente da CONMEBOL entre 1986 e 2013.

Na lista de “mais procurados” da Interpol foram igualmente incluídos três empresários argentinos (Alejandro Burzaco, Hugo Jinkis e Mariano Jinkis), acusados de subornos em valores superiores a 90 milhões de euros, e um brasileiro (José Margulies), todos do ramo das transmissões televisivas.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.