Procurador-geral egípcio morre em atentado bombista

Procurador-geral egípcio morre em atentado bombista
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O engenho rebentou quando passava a coluna de carros em que Hisham Barakat viajava.

PUBLICIDADE

O procurador-geral do Egito, Hisham Barakat, morreu num atentado à bomba, no Cairo, esta segunda-feira.

A bomba rebentou no momento em que a coluna de carros que incluía o do procurador passava.

Além da repressão da Irmandade Muçulmana, com a condenação à morte do ex-presidente Mohamed Morsi, o Egito executou recentemente alegados membros do grupo Estado Islâmico, o que motivou um apelo à vingança. O ramo egípcio do grupo apelou ao assassínio de juízes.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Hamas sob pressão dos EUA para aceitar acordo de cessar-fogo

Arranca novo julgamento dos quatro egípcios acusados de matar estudante italiano Giulio Regeni

100 mortos em atentado de Mogadíscio