EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Coreia do Sul declara fim de surto da Síndrome Respiratória do Médio Oriente

Coreia do Sul declara fim de surto da Síndrome Respiratória do Médio Oriente
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Coreia do Sul declarou o fim do surto da Síndrome Respiratória do Médio Oriente, que provocou 36 mortes no país. O anúncio foi feito pelo

PUBLICIDADE

A Coreia do Sul declarou o fim do surto da Síndrome Respiratória do Médio Oriente, que provocou 36 mortes no país.

O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro Hwang Kyo-Ahn.

O primeiro caso de infeção, registado na Coreia do Sul, ocorreu há mais de dois meses e mais de 186 pessoas foram infetadas, sendo este o pior surto da Síndrome Respiratória do Médio Oriente registado fora da Arábia Saudita.

“Não houve mais casos, nos últimos 23 dias, e o último paciente sob suspeita saiu ontem da quarentena. Feita a avaliação pelos médicos e pelo Governo, as pessoas podem agora estar livres de preocupações”, afirmou Kyo-Ahn.

Os casos de infeção pelo coronavírus, que provoca tosse e febre, pode levar à pneumonia fatal e à insuficiência renal, foram encontrados principalmente na Arábia Saudita e na Coreia do Sul. Foram, também, registados casos em pelo menos 25 países, devido à mobilidade das pessoas.

Esta segunda-feira as autoridades britânicas encerraram, por horas, as urgências de um hospital no norte de Inglaterra. Dois pacientes foram colocados em quarentena por suspeita de infeção pela Síndrome Respiratória do Médio Oriente.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Dois mortos por surto de pneumonia na região lombarda

Incêndio de grandes proporções afeta empresa farmacêutica dinamarquesa Novo Nordisk

Homem que recebeu rim de um porco teve alta hospitalar