EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Rei da Jordânia clama por justiça no conflito israelo-palestiniano

Rei da Jordânia clama por justiça no conflito israelo-palestiniano
Direitos de autor 
De  Euronews com AFP, APTN
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O conflito israelo-palestiniano é a mãe das injustiças e a fonte de muitos males. Esta foi a mensagem do rei da Jordânia, esta quinta-feira, no Med

PUBLICIDADE

O conflito israelo-palestiniano é a mãe das injustiças e a fonte de muitos males. Esta foi a mensagem do rei da Jordânia, esta quinta-feira, no Med 2015, a conferência dos Diálogos Mediterrânicos, em Roma. O primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, foi o anfitrião e o rei Abdullah o convidado do dia.

“Hoje é o dia internacional dos Direitos Humanos mas enquanto os palestinianos não alcançarem os seus direitos, milhões de pessoas vão ser cínicas acerca da realidade da justiça global. Agora, a propaganda do terror e o seu recrutamento prosperam com este conflito” – afirmou o monarca jordano.

#Jordan King Abdallah II at #RomeMED2015: #Daesh wants to divide us, but truth is we will rise or fall together pic.twitter.com/8tJEQ54V0c

— Cinzia Bianco (@Cinzia_Bianco) 10 dezembro 2015

A tensão entre as duas comunidades permanece ao rubro. Esta quinta-feira, na Cisjordânia, quatro soldados israelitas foram atropelados por um veículo conduzido por um palestiniano. Um dos militares está em estado grave. Desde o dia 1 de outubro foram mortos duas dezenas de israelitas, um americano, um eritreu e mais de cem palestinianos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Greve em Itália após explosão mortal em central hidroelétrica

Polícia italiana detém alegado membro ativo do Estado Islâmico em Roma

Itália reforça medidas de segurança no fim de semana de Páscoa