Rebeldes retirados de três localidades sírias no âmbito de acordo com o regime de Assad

Rebeldes retirados de três localidades sírias no âmbito de acordo com o regime de Assad
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Mais de 450 rebeldes e civis sírios começaram a ser retirados de três localidades sírias, no âmbito de um raro e complexo acordo de troca entre o

PUBLICIDADE

Mais de 450 rebeldes e civis sírios começaram a ser retirados de três localidades sírias, no âmbito de um raro e complexo acordo de troca entre o regime e os rebeldes, sob a égide da ONU.

Alcançado em setembro, o acordo prevê uma trégua em Zabadani, última cidade controlada pelos rebeldes na fronteira sírio-libanesa e cercada há meses pelas forças do presidente Assad.

Em troca, uma trégua será igualmente observada em Koua e Kafraya, as últimas vilas xiitas ainda controladas pelo exército sírio na província de Idleb, dominada pelos rebeldes.

A maioria dos rebeldes foi transportada em ambulâncias da Cruz Vermelha libanesa por se encontrarem feridos. Os combatentes serão transportados para outras áreas controladas pelos rebeldes na Síria.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Israel lança ataque contra Damasco e faz dois mortos

Mais ataques israelitas na Síria enquanto aumenta preocupação pelos refugiados em Rafah

Alegado ataque aéreo israelita a Damasco mata comandante iraniano