EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

"Flying Scotsman" volta a "voar" nos carris britânicos

"Flying Scotsman" volta a "voar" nos carris britânicos
Direitos de autor 
De  Rodrigo Barbosa com AFP / Reuters
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A locomotiva a vapor “Flying Scotsman”, um dos ícones do património industrial do Reino Unido, voltou a circular esta sexta-feira numa linha

PUBLICIDADE

A locomotiva a vapor “Flying Scotsman”, um dos ícones do património industrial do Reino Unido, voltou a circular esta sexta-feira numa linha ferroviária britânica, depois de 10 anos de restauro.

O primeiro teste foi realizado em Bury, no noroeste de Inglaterra. A “viagem inaugural” está marcada para o próximo mês, entre York e Londres.

Bob Gwynne, do Museu Nacional dos Caminhos de Ferro britânicos, diz que “o símbolo da era do vapor, que tantos conhecem e estimam, está novamente a trabalhar. Para já são testes e ainda há muito para fazer até estar de novo a circular nas linhas principais. Mas, a partir de fevereiro, estará de novo a circular por todo o país”.

A restauração custou 5,6 milhões de euros. Construída em 1923, a “Flying Scotsman” foi a primeira locomotiva a vapor a atingir uma velocidade máxima de 160 quilómetros por hora e a ligar Londres e Edimburgo, na Escócia, de uma tirada

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

William apareceu sem Kate na "Garden Party" de verão do Palácio de Buckingham

Jovem de 13 anos morre após ataque com espada em Londres

Sunak anuncia: voos de deportação do Reino Unido para o Ruanda devem começar dentro de poucos meses