EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Turquia rejeita ação militar unilateral

Turquia rejeita ação militar unilateral
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O governo turco reagiu às questões levantadas pela Rússia no âmbito do Conselho de Segurança da ONU. Moscovo pretende que a Turquia respeite a

PUBLICIDADE

O governo turco reagiu às questões levantadas pela Rússia no âmbito do Conselho de Segurança da ONU.

Moscovo pretende que a Turquia respeite a integridade territorial da Síria interrompendo os bombardeamentos transfronteiriços.

O embaixador da Turquia na ONU afastou a possibilidade de ação unilateral.

“A Turquia não invadirá a Síria a não ser no âmbito de uma ação coletiva, seja por via de uma resolução do Conselho de Segurança ou por via da coligação internacional à qual pertencemos. A acontecer terá que ser ato coletivo e não um operação nacional”, adiantou Halit Cevik, chefe da delegação turca na ONU.

O presidente turco Tayyip Erdogan discutiu esta questão por telefone com o presidente norte-americano. Barack Obama reconheceu o direito da Turquia à auto-defesa e expressou preocupação perante os avanços de milícias cudas da Síria próximo à fronteira turca.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Grupo próximo do PKK reivindica atentado em Ancara

Israel ataca unidade de defesa aérea no sul da Síria com mísseis

Embaixador iraniano na Síria promete retaliação após alegado ataque israelita destruir consulado