Última hora
This content is not available in your region

Cancro leva Sarah Tait e Martin Crowe

euronews_icons_loading
Cancro leva Sarah Tait e Martin Crowe
Tamanho do texto Aa Aa

O cancro fez mais duas vítimas no mundo do desporto. Sarah Tait, que fez dupla com Kate Hornsey para conquistar uma medalha de prata no remo nos Jogos Olímpicos de Londres não resistiu a um cancro no colo do útero. A australiana contava 33 anos de idade.

Na Nova Zelândia é o críquete que está de luto, com a morte de Martin Crowe. Considerado um dos maiores batedores de sempre no seu país, Crowe foi diagnosticado com um linfoma pela primeira vez em 2012.