Última hora

Curdos proclamam região federal autónoma no norte da Síria

Curdos proclamam região federal autónoma no norte da Síria
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Militantes curdos da Síria proclamaram unilateralmente uma região federal autónoma no norte do país, junto à fronteira com a Turquia.

A iniciativa do Partido da União Democrática e de grupos aliados foi rapidamente rejeitada, tanto pelo regime de Bashar al-Assad, como pela oposição síria que participa nas negociações de paz em Genebra.

A autoproclamada região autónoma, que os curdos chamam “Rojava”, é composta por três “cantões” distintos junto a fronteira norte da Síria: Afrine, Kobané e Jaziré.

A declaração curda constitui uma forma de protesto contra a exclusão do diálogo em Genebra, em grande parte devido à forte oposição turca, que considera o Partido da União Democrática como uma organização “terrorista” e teme as repercussões entre a sua própria comunidade curda.

Atores incontornáveis do conflito sírio, os curdos controlam 14 por cento do país e três quartos da fronteira com a Turquia. Com o apoio militar dos Estados Unidos, os combatentes curdos conquistaram importantes vitórias face aos extremistas do Estado Islâmico.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.