Última hora

40 anos de prisão para Radovan Karadžić

40 anos de prisão para Radovan Karadžić
Tamanho do texto Aa Aa

O ex-líder dos sérvios da Bósnia, Radovan Karadžić, foi condenado a 40 anos de prisão e considerado culpado de 10 em 11 crimes de que era acusado, incluindo o de genocídio, pelo massacre de cerca de 8000 pessoas em Srebrenica, em 1995. A sentença foi pronunciada pelo Tribunal Penal Internacional para a ex-Jugoslávia.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.