EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

'Panama Papers': "It's a Mess(i)"

'Panama Papers': "It's a Mess(i)"
Direitos de autor 
De  Marco Lemos com reuters, lusa, efe, el confidencial
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Já a tentar 'fintar' os problemas com a administração fiscal em Espanha, Lionel Messi tenta contra-atacar agora que foi envolvido no escândalo 'Panama Papers', mas arrisca outro 'cartão vermelho' do f

PUBLICIDADE

Já a tentar ‘fintar’ os problemas com a administração fiscal em Espanha, Lionel Messi tenta contra-atacar agora que foi envolvido no escândalo ‘Panama Papers’, mas arrisca outro ‘cartão vermelho’ do fisco.

O astro argentino nega qualquer envolvimento nos esquemas de evasão fiscal e branqueamento de capitais com plataforma giratória na sociedade de advogados panamiana Mossack Fonseca. A estrela do Barcelona está por isso a pensar processar o jornal espanhol “El Confidencial”, um dos membros do consórcio de jornalistas que está a investigar o caso.

¡Comunicado oficial de prensa!https://t.co/hMgxRhO7jn

— Fundación Leo Messi (@fundacionmessi) 4 de abril de 2016

A assinatura de Messi e do pai está nos documentos já divulgados, mas o futebolista afirma que a empresa a que se referem as informações, a Mega Star Enterprises é “uma companhia totalmente inativa, que nunca teve fundos nem contas correntes abertas” e que deriva de “uma antiga estrutura societária (…), cujas consequências fiscais para Lionel Messi já foram regularizadas”, lê-se no comunicado do cinco vezes Bola de Ouro.

Messi põe “El Confidencial” em tribunal por difamação https://t.co/YAuajvybz7pic.twitter.com/FFQV6wZS4C

— Expresso (@expresso) 4 de abril de 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Justiça espanhola pede quase cinco anos de prisão para Carlo Ancelotti por fraude fiscal

Bernie Ecclestone, ex-chefe da F1, declara-se inocente

José Mourinho condenado a um ano de prisão em Espanha