Última hora

Última hora

Breivik tem sido alvo de tratamento desumano, diz tribunal

Em leitura:

Breivik tem sido alvo de tratamento desumano, diz tribunal

Breivik tem sido alvo de tratamento desumano, diz tribunal
Tamanho do texto Aa Aa

Anders Behring Breivik tem sido tratado de uma forma desumana pelas autoridades da Noruega. Foi esse o veredito da justiça norueguesa que considera que os cerca de três anos do neonazi em solitária violam o artigo terceiro da Convenção Europeia dos Direitos Humanos.

“Estamos surpreendidos com o veredicto. Obviamente dissemos no julgamento que não concordamos com isto. Se tivéssemos concordado não teríamos dito o que dissemos na sala de audiências. E pensamos que a nossa opinião está bem fundamentada”, explicou o advogado Marius Emberland.

“Eu não vou citá-lo, não o faço. O que posso dizer é que não vamos recorrer dos pontos em que não ganhámos, isso posso dizer”, afirma o advogado de defesa, Oysten Storrvik.

O tribunal não deu razão a Breivik na queixa sobre as restrições com o exterior, que está contemplada no artigo oitavo da convenção.

A primeira-ministra norueguesa comentou o caso. “Acredito que devemos ter proteção legal na Noruega e ter a chance de julgarmos os casos.
Nós, agora, mostrámos, que temos isso. Cabe ao tribunal fazer julgamentos para depois o Estado, em especial a parte responsável pelas condições prisionais, decidir o que tem a fazer a seguir”, disse Erna Solberg.

Em agosto de 2012 Breivik foi condenado a 21 anos de prisão por ter matado oito pessoas com uma bomba perto da sede do governo em Oslo e, depois, 69 outras a tiro, na maioria adolescentes que participavam num acampamento da juventude trabalhista.