Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Célula de Verviers: Penas de 8 a 16 anos para quatro terroristas

Célula de Verviers: Penas de 8 a 16 anos para quatro terroristas
Tamanho do texto Aa Aa

O Tribunal Correcional de Bruxelas pronunciou na terça-feira sentenças que vão até 16 anos de prisão no processo da célula terrorista de Verviers.

Souhaib El Abdi, Marouane El Bali e Mohamed Arshad, foram condenados a 16 anos de prisão. Omar Damache foi condenado a oito anos.

Para o advogado de El Abdi, Xavier Carrette, a sentença não é imparcial, porque pretende ser dissuasiva e cede a pressões políticas:

“É uma decisão sem o rigor da justiça. É evidente que Paris e Bruxelas exerceram uma enorme pressão sobre os magistrados, que depois erguem a fasquia nas sentenças. Aquilo que era um sentimento subjetivo tornou-se justiça. Na minha convicção, querer fazer da justiça um instrumento de dissuasão, não é certamente boa justiça e não é assim que impedimos que se repita”, disse Carette.

A célula terrorista desmantelada em Verviers, na Bélgica, em janeiro de 2015, era chefiada por Abdelhamid Abaaoud, considerado o cérebro dos atentados de Paris.

Segundo o Procurador de Paris, François Molins, Abaaoud, morto na operação policial em Saint-Denis, em novembro de 2015, planeava fazer explodir o bairro La Défense, o centro financeiro da capital francesa.

Abaaoud fazia o contacto entre a célula de Verviers e as estruturas do Daesh na Síria.