Moscovo confirma expulsão de dois diplomatas norte-americanos

Moscovo confirma expulsão de dois diplomatas norte-americanos
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Moscovo confirma expulsão de dois diplomatas norte-americanos, acusados de espionagem.

PUBLICIDADE

Um canal de televisão russo, próximo do Kremlin, difundiu imagens que diz serem de câmaras de segurança, que mostrariam um homem a ser imobilizado por um guarda russo à entrada a Embaixada dos Estados Unidos em Moscovo.

A redação da Euronews não conseguiu verificar a veracidade das imagens.

O certo é que os Estados Unidos confirmaram que um homem foi atacado por um guarda russo, sendo, na altura, um diplomata acreditado na Embaixada dos EUA em Moscovo.

Moscovo diz que não é verdade e que foi o diplomata em causa, que seria, na realidade, um agente da CIA, quem deu uma cotovelada ao guarda russo.

O incidente causou tensões diplomáticas ao mais alto nível entre Washington e Moscovo.

Os norte-americanos dizem que serviços de segurança russos intensificaram o assédio sobre o pessoal da embaixada com a intenção “de perturbar a missão diplomática.”

Washington acabou por expulsar dois diplomatas russos a meio de junho. Este sábado, Moscovo confirmou a expulsão de dois diplomatas norte-americanos, que acusa também de serem espiões da CIA.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia declara correspondente da BBC de “agente estrangeiro”

Como a ucraniana Valeriia, de 17 anos, escapou a um campo de reeducação russo

Moldova denuncia esforços da Rússia para influenciar referendo sobre UE