Última hora

Sudão do Sul: Cinco anos de independência, três anos de guerra civil

Sudão do Sul: Cinco anos de independência, três anos de guerra civil
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Sudão do Sul, o mais novo Estado soberano do mundo, celebra cinco anos de uma conturbada independência, em guerra civil desde 2013.

Esta sexta-feira, uma conferência de imprensa do presidente da República, Salva Kiir, foi interrompida pelo som de disparos. O tiroteio que começou quando o presidente se preparava para dirigir-se à Nação para falar do último combate o que atingiu a capital, Juba e que deixou cinco soldados mortos. O jovem país africano encontra-se em guerra civil desde 2013.

O Sudão do Sul tem uma área semelhante à da Península Ibérica e reservas petrolíferas avaliadas na altura em cerca de quase cinco mil milhões de barris. Conta também riquezas minerais importantes, como o urânio, além de um forte potencial agrícola, não explorado devido à guerra.

Mas a economia encontra-se em ruínas a inflação aumentou em quase 300 por cento, e a moeda caiu 90% este ano.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.