A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

#Euro2016: Portugal campeão europeu vale ao país mais de 600 milhões de euros

#Euro2016: Portugal campeão europeu vale ao país mais de 600 milhões de euros
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um título desportivo que vale mais de 600 milhões de euros para a depauperada a economia de Portugal. Esta foi a estimativa do Gabinete de Estudos de Marketing para o Desporto do IPAM, realizada antes ainda do Euro2016 ter começado e tem por base o consumo agregado à participação da seleção no torneio, incluindo viagens, venda de “merchandising” e eventos em território português.

Logo no período de estágio, o impacto da presença da seleção no torneio em França terá valido cerca de 110 milhões de euros à economia portuguesa. Mais 167 milhões de euros com a participação na fase de grupos.

A suada passagem aos oitavos-de-final com três empates na fase de grupos, terá valido mais 27 milhões de euros. Aos “quartos”, outros 27 milhões de euros. A chegada às meias-finais, terá tido um impacto de 43 milhões de euros na economia portuguesa, calculou o IPAM .

Com o título ganho em Paris, o Instituto Português de Administração de Marketing estima um impacto total na economia portuguesa de 609 milhões de euros.

Só da UEFA, entretanto, pela presença e pelos resultados conseguidos, Portugal arrecadou um prémio de 25,5 milhões de euros, o mais alto alguma vez pago pelo organismo, depois da revisão dos prémios acordada em dezembro, ainda com o agora presidente da FIFA Gianni Infantino como um dos responsáveis da associação europeia.

 

FPF paga 9 milhões de euros aos novos campeões da Europa de futebol

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) acordou pagar 9 milhões de euros aos jogadores e equipa técnica que conquistaram o título no Euro2016. De acordo com o jornal Record, cada um dos 23 jogadores deverá encaixar 375 mil euros pela vitória na final.


O acordo terá sido acertado logo após a qualificação para a fase final do torneio ter ficado garantida. Os prémios de jogo terão começado a ser ser contabilizados apenas nos quartos-de-final, o dinheiro sairá do prémio recebeido pela FPF da UEFA e deverão chegar às contas bancárias dos novos campeões europeus em setembro.