Última hora
This content is not available in your region

Drones americanos matam líder do auto proclamado Estado Islâmico

Drones americanos matam líder do auto proclamado Estado Islâmico
Tamanho do texto Aa Aa

O cabecilha do grupo extremista do Estado Islâmico no Afeganistão e no Paquistão foi morto durante um ataque aéreo americano a uma zona na fronteira entre os dois países.

A fonte é o embaixador do Afeganistão no Paquistão. “Posso confirmar que o líder do Estado Islâmico Khurasan, Hafez Saeed e os seus comandantes de topo morreram num ataque aéreo de drones americanos a 26 de julho no distrito de Kot , da província de Nangharhar, do Afeganistão”, afirmou o diplomata Omar Zakhilwal.

Saeez era um antigo membro do ramo paquistanês dos Talibã que juraram fidelidade ao Estado Islâmico sediado no Médio Oriente.

Um porta voz do Pentágono confirmou a informação da morte, erroneamente dada no ano passado, mas não confirmada.

Entre janeiro e princípio de Agosto, os Estados Unidos fizeram cerca de 140 ataques aéreos contra o Daesh no Afeganistão.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.