EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Síria: Daesh rapta civis antes de abandonar Manbij

Síria: Daesh rapta civis antes de abandonar Manbij
Direitos de autor 
De  Lurdes Duro Pereira com Reuters, AFP
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As Forças Democráticas da Síria assumiram o controlo da cidade de Manbij, um dos últimos bastiões dos radicais do Estado Islâmico.

PUBLICIDADE

As Forças Democráticas da Síria assumiram o controlo da cidade de Manbij, um dos últimos bastiões dos radicais do Estado Islâmico.

Apoiada pelos Estados Unidos, a aliança que integra milícias curdas e grupos rebeldes árabes está, agora, de olhos postos em Raqqa, a sede de operações do grupo radical.

Para recuperar a cidade situada no corredor que liga Raqqa a Alepo, no norte da Síria, foram precisos cerca de dois meses e meio. Os habitantes não escondem a emoção.

Cerca de 2 mil pessoas terão sido mortas durante os combates.

De acordo com Organizações Não Governamentais, os militantes do autoproclamado Estado Islâmico abandonaram a cidade rumo a norte, depois de terem raptado 2 mil civis que estarão a servir de escudo humano.

O Observatório Sírio dos Direitos Humano garante que centenas terão sido, entretanto, libertados.

Desde 2011 já morreram na Síria mais de 290 mil pessoas. Milhões foram obrigadas a fugir à fome e à violência.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Israel ataca unidade de defesa aérea no sul da Síria com mísseis

Embaixador iraniano na Síria promete retaliação após alegado ataque israelita destruir consulado

Ataque israelita destrói consulado iraniano em Damasco e mata alta patente militar