Alemanha: Partido anti-imigração ameaça CDU de Merkel em sufrágio local

Alemanha: Partido anti-imigração ameaça CDU de Merkel em sufrágio local
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A política migratória de Angela Merkel é submetida este domingo a um teste eleitoral, a um ano das legislativas, no pequeno estado do Mecklenburgo-Pomerânia…

PUBLICIDADE

A política migratória de Angela Merkel é submetida este domingo a um teste eleitoral, a um ano das legislativas, no pequeno estado do Mecklenburgo-Pomerânia Ocidental.

Segundo as sondagens, o discurso xenófobo do partido populista AFD (Alternativa para a Alemanha) poderia levar a formação a ultrapassar pela primeira vez a CDU, o partido da Chanceler, no sufrágio local.

O candidato da AFD, Leif-Erik Holm, não disfarça o otimismo:

“Espero que nos tornemos no partido mais forte. Vemos cada vez mais gente, famílias, empresas que dizem, sim vamos votar na AFD. Estamos à espera de um resultado a rondar os 20% e talvez sejamos o partido mais votado”.

As sondagens apontam para uma vitória do partido de centro-esquerda SPD, quando os populistas, que centraram a campanha na questão dos refugiados, poderiam tornar-se a segunda formação no estado do leste da Alemanha.

Para o atual líder do Mecklenburgo-Pomerânia Ocidental, Erwin Sellering, do SPD:

“Eu sempre disse que não há que disperdiçar votos, pois esses votos só beneficiam aqueles que se recusam a trabalhar connosco para apenas propagarem a frustração e o protesto. Ninguém deveria dar-lhes o seu voto”.

Tanto o SPD, como a CDU, registam uma quebra de votos relativamente às eleições de 2011.

Um cenário que contrasta com o aumento da popularidade dos populistas da AFD e da extrema-direita do partido NPD, que poderiam reunir um quarto dos votos.

A AFD, formação eurocética que abraçou o discurso xenófobo nos últimos dois anos, tinha já alcançado o lugar de segunda força política na Saxónia-Anhalt (à frente do SPD) durante as eleições regionais de março.

Segundo uma sondagem publicada este sábado na Alemanha (TNS Emnid), o partido AFD poderia ficar em terceiro lugar nas legislativas do próximo ano com 12% dos votos, por detrás de SPD (23%) e CDU (34%).

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alemanha: CDU de Merkel pode perder em casa para a extrema-direita no Mecklenburgo-Pomerânia Ocidental

Centro de Colónia parcialmente evacuado devido a bomba da II Guerra Mundial

Pelo menos cinco mortos em acidente de autocarro na Alemanha