Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Brexit: Imprensa britânica revela divergências no seio do governo de Teresa May

Brexit: Imprensa britânica revela divergências no seio do governo de Teresa May
Tamanho do texto Aa Aa

O ministro britânico das Finanças, Philip Hammond, terá ameaçado demitir-se devido a divergências no seio do governo sobre o “Brexit”. A informação é avançada pela imprensa britânica, incluindo o The Telegraph.

Segundo o jornal, Hammond é acusado de tentar “minar o Brexit”.

O ministro defende um “Brexit” suave, ou seja, permitir a livre circulação de trabalhadores europeus no Reino Unido para manter o acesso ao mercado único. Já a chefe de governo, Teresa May, apoiada por outros membros do executivo, optou por um “Brexit” duro, com uma saída do mercado único e o controlo da imigração.

Face aos rumores de demissão de Hammond, a porta-voz de Teresa May veio a público garantir que a primeira-ministra vai ouvir todas as opiniões e que esta mantém a confiança no ministro das Finanças.

No entanto, as notícias fizeram subir as taxas de juro das obrigações britânicas a dez anos. Estas atingem o valor mais alto desde junho. Os investidores temem a instabilidade política e uma subida da inflação.