Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Áustria. Casa onde Hitler nasceu vai ficar irreconhecível

Áustria. Casa onde Hitler nasceu vai ficar irreconhecível
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A casa onde se acredita que Adolf Hitler tenha nascido, em Braunau, na Áustria, já não deve ser demolida.

Uma comissão constituída por historiadores, autoridades e o líder da comunidade judaica no país, recomendou que o edifício sofra alterações arquitetónicas profundas.

O Governo de Viena, um dia após ter anunciado a demolição, volta atrás e diz acatar a decisão.

No entanto, o ministro do interior, Wolfgang Sobotka, afirma que “o edifício não deve ter nenhuma referência à pessoa de Adolf Hitler. É essencial que não seja criado um lugar onde neonazis e extremistas de direita se possam reunir.”

Nas ruas, a decisão do Executivo austríaco parece agradar.

Uma residente de Braunau acredita que talvez “seja bom demolir certos objetos que tenham uma má conotação mas demolir uma casa funcional é algo que se deve ponderar, com muito cuidado.”

Para que a reconversão do edifício seja possível, o Governo austríaco tem de finalizar o processo de expropriação.

Espera-se que, daqui a uns anos a casa amarela onde Hitler terá nascido, a 20 de abril de 1889, fique completamente irreconhecível.