EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Madrid reduz circulação automóvel para metade para combater contaminação do ar

Madrid reduz circulação automóvel para metade para combater contaminação do ar
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Madrid impõe mais medidas para diminuir os níveis de poluição atmosférica.

PUBLICIDADE

Madrid impõe mais medidas para diminuir os níveis de poluição atmosférica.

A partir de amanhã a circulação automóvel será reduzida para metade no centro da capital espanhola.

Os veículos com matrícula par não vão poder circular, entre as 06:30 horas e as 21:00 horas.
Se o problema persistir manter-se-á a circulação alternada nos próximos dias.

Este jueves 29, de 6:30 a 21h, por la almendra central sólo pueden circular matrículas impares. Y estas excepciones: https://t.co/poNqNBdZXfpic.twitter.com/dGhKV4OPH4

— Ayuntamiento Madrid (@MADRID) 28 de dezembro de 2016

A medida, tomada pela primeira vez em Espanha, foi anunciada pela “número dois” da Câmara Municipal (Ayuntamiento) madrilena, Marta Higueras.

A decisão deve-se à alta concentração de Dióxido de Nitrogénio (N02).

Mañana, jueves, escenario 3: sólo podrán circular por la almendra central (área interior de la M30) vehículos con matrícula acabada en impar pic.twitter.com/JYdQGO6aqI

— Ayuntamiento Madrid (@MADRID) 28 de dezembro de 2016

Outras medidas já haviam sido implementadas, entre elas, a redução de velocidade para 70 quilómetros por hora, na M-30,
e nos acessos a esta circular, ou a permissão de estacionamento apenas a residentes.

Madrid junta-se assim a Paris, Roma e Londres, outras grandes cidades ameaçadas pela poluição atmosférica.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Guerra à poluição do ar: Como a União Europeia está a lutar pelo ambiente

Málaga limita licenças de alojamento turístico para fazer descer preços das rendas

Novo naufrágio perto de Tenerife faz pelo menos 5 mortos. 68 migrantes foram resgatados com vida