EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Rússia: Mau funcionamento dos flaps está na origem da queda de avião militar

Rússia: Mau funcionamento dos flaps está na origem da queda de avião militar
Direitos de autor 
De  Miguel Roque Dias com REUTERS; LUSA
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As autoridades russas acreditam que a queda do avião Tupolev-154 no Mar Negro, no domingo, com 92 pessoas a bordo, foi causada por uma combinação de um mau funcionamento dos flaps e um erro do…

PUBLICIDADE

As autoridades russas acreditam que a queda do avião Tupolev-154 no Mar Negro, no domingo, com 92 pessoas a bordo, foi causada por uma combinação de um mau funcionamento dos flaps e um erro do piloto.

Estas são as conclusões preliminares a que chegaram os investigadores depois de analisarem a primeira caixa negra do aparelho, encontrada na terça-feira.

A bordo seguiam 64 membros do coro Alexandrov Ensemble, e vários militares e civis.

As autoridades de Moscovo anunciaram que as famílias estão a ser acompanhadas e que irão receber uma indemnização do Estado

“Vamos começar a pagar aos familiares das vítimas. Não vamos diferenciar os militares dos civis e, é claro, estamos a acompanhar as famílias que precisam de mais ajuda e assistência. Estamos a fazer tudo e vamos continuar a fazê-lo”, afirmou o ministro russo da Defesa, Sergey Shoygu.

O Ministério da Defesa russo revelou que a segunda caixa negra foi recuperada esta quarta-feira.

15 cadáveres e mais de duas centenas de fragmentos de corpos foram recolhidos no mar, no local do acidente.

A operação de buscas envolveu, até agora, 3600 pessoas que têm sido auxiliadas por drones e submersíveis.

Com: Reuters; Lusa

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Televisão pública mostra imagens de análise a caixa negra do Tupolev

Tupolev 154: A trágica história de um avião com mais de 40 anos

Avião militar russo despenha-se com 15 pessoas a bordo