EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Itália: Esforço para encontrar sobreviventes no hotel soterrado por avalancha

Itália: Esforço para encontrar sobreviventes no hotel soterrado por avalancha
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Corrida contra o tempo.

PUBLICIDADE

Corrida contra o tempo. Mais de 24 horas depois da tragédia, diminui a esperança de encontrar outros sobreviventes do hotel de montanha soterrado por uma avalancha no centro da região italiana de Abruzzo.

Estima-se que mais de 30 pessoas ficaram debaixo de toneladas degelo, neve e destroços. Até ao momento apenas foram recuperados dois corpos.

Mais sorte tiveram dois hóspedes que estavam fora do hotel durante a avalancha e se refugiaram num carro. Foram eles que alertaram as autoridades para a tragédia.

As equipas de socorro enfrentam a noite e temperaturas glaciais para encontrar possíveis sobreviventes.

“Estamos a trabalhar com as nossas ferramentas e com os cães. Foi uma estrutura de cimento reforçada que colapsou, Existem partes significantes que precisaram ser removidas, vai levar tempo”, explicou Luca Cari, porta-voz dos bombeiros, acrescentando que “o edifício colapsou completamente.”

“Nestes casos a esperança é motor que faz mover as equipas de resgate. Se não houvesse esperança os que estão ali a trabalhar não estariam a dar tudo o que têm”, explica Fabrizio Curcio, chefe da Proteção Civil.

A avalancha aconteceu devido aos quatros sismos de quarta-feira com magnitude superior a 5 graus na escala de Richter.

Os bombeiros conseguiram entrar pelo lado da piscina que estava descoberto. O resto da estrutura do hotel de quatro estrelas desapareceu por completo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Autoridades tentam determinar as causas do acidente mortal com autocarro que caiu de viaduto

Cinco mortos em incêndios em Itália, assolada a norte por tempestades

Incêndio provoca pelo menos seis mortes em lar da terceira idade de Milão