EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Anúncio da gravidez de gémeos vale recorde do mundo a Beyoncé

Anúncio da gravidez de gémeos vale recorde do mundo a Beyoncé
Direitos de autor 
De  Francisco Marques
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A estrela da música pop norte-americana Beyoncé recorreu à rede social Instagram para anunciar estar grávida de gémeos.

PUBLICIDADE

A estrela da música pop norte-americana Beyoncé recorreu à rede social Instagram para anunciar estar grávida de gémeos.

Casada com o também cantor Jay-Z desde 2008, a artista foi mãe pela primeira vez há cinco anos, de Blue Ivy

We would like to share our love and happiness. We have been blessed two times over. We are incredibly grateful that our family will be growing by two, and we thank you for your well wishes. – The Carters

A photo posted by Beyoncé (@beyonce) on Feb 1, 2017 at 10:39am PST

Agora, com 35 anos, Beyoncé prepara-se para aumentar de forma substancial a família e não esconde a felicidade.

À publicação nas redes sociais, juntou no site oficial algumas das fotos registada numa sessão especial em que deu particular destaque ao ventre e na qual também participou a filha, Blue Ivy.

A imagem partilhada no Instagram com a boa nova foi, entretanto, já reconhecida pelo Livro dos Recordes do Guiness como a que recebeu mais “gostos” de sempre nesta rede social.

We officially confirm Beyoncé&#39;s pregnancy announcement has shattered the record for most liked image on Instagram <a href="https://t.co/D1sYrsCRec">https://t.co/D1sYrsCRec</a> <a href="https://t.co/nuyd8LeTWl">pic.twitter.com/nuyd8LeTWl</a></p>&mdash; GuinnessWorldRecords (GWR) 2 de fevereiro de 2017

❤️

A photo posted by Beyoncé (@beylite) on Feb 2, 2017 at 4:25am PST

A video posted by Beyoncé (@beylite) on Feb 2, 2017 at 6:30am PST

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Biden chama nações "xenófobas" à Índia e Japão

EUA: estudantes universitários são presos por protestos pró-palestinos

Mike Pence: "A maioria dos norte-americanos acredita no nosso papel de líderes do mundo livre"