EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Berlinale: Volker Schlöndorff de volta com comédia romântica

Berlinale: Volker Schlöndorff de volta com comédia romântica
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

É a história de um escritor que viaja a Nova Iorque para lançar um livro, mas que é também uma historia de um amor falhado e que Schlöndorff diz ter muito de pessoal.

PUBLICIDADE

Com Lusa e EFE

O realizador alemão Volker Schlöndorff voltou ao Festival de Cinema de Berlim- Berlinale, com “Return to Montauk”, uma comédia romântica que tem muito de biográfico.

Com Stellan Skarsgard e Nina Hoss, o filme conta a história de um escritor que viaja a Nova Iorque para lançar o seu novo livro, mas que é também uma historia de um amor falhado e que o realizador diz ter muito de pessoal.

Em declarações aos jornalistas, Volker Schlöndorff disse, no entanto, que, depois de tantas tranformações, passou a ser mais complexa a distinção entre realidade e ficção:

“Bem, há muito da minha experiencia pessoal nisto tudo. Muitos elementos da minha vida e quase nada foi inventado. Mas depois, tudo é disposto de forma diferente da realidade, pelo que, se me perguntam se é ficção ou realidade, tenho de responder ficção”.

“Return to Montauk” foi descrito pelos críticos como do melhor cinema que Schlöndorff fez em muito tempo.

O Festival de Cinema de Berlim decorre de 09 a 19 de fevereiro. Esta é a lista das 18 longas-metragens em competição:

“Have a nice day” – Liu Jian.

“Ana, mon amour” – Calin Peter Netzer.

“On the beach at night alone” – Hong Sangsoo.

“Beuys” – Andres Veiel.

“Colo” – Teresa Villaverde.

“The Dinner” – Oren Moverman.

“Django” – Etienne Comar.

“Félicité” – Alain Gomis.

“Bright Nights” – Thomas Arslan.

“Joaquim” – Marcelo Gomes.

“Mr. Long” – Sabu.

PUBLICIDADE

“The Party” – Sally Potter.

“Pokot” – Agnieszka Holland.

“Return to Montauk” – Volker Schlondorff.

“On Body and Soul” – Ildikó Enyedi.

“The Other Side of Hope” – Aki Kaurismaki.

PUBLICIDADE

“Una Mujer Fantástica” – Sebastián Lelio.

“Wilde Maus” – Josef Hader.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

No Museu da Comida Nojenta em Berlim há iguarias para (mesmo) todos os gostos

Detido na Alemanha um dos três membros da Fação do Exército Vermelho

Refugiados ucranianos e dissidentes russos protestaram contra invasão da Ucrânia em Berlim