A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Angela Merkel pede libertação de jornalista detido na Turquia

Angela Merkel pede libertação de jornalista detido na Turquia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um jornalista de um jornal alemão detido numa prisão turca escreveu uma carta a agradecer o apoio. Deniz Yücel, um jornalista do Die Welt, foi preso com acusações de propaganda e incitação ao ódio. Na carta conta que passa tempo com prisioneiros políticos em Istambul, e recebeu comida, chá, café e jornais.

A chanceler alemã Angela Merkel já veio pedir a sua libertação: “O jornalismo independente deve existir. Os jornalistas devem conseguir fazer o seu trabalho – é por isso que, nesta noite, pensamos em Deniz Yücel – que se encontra sob custódia na Turquia e pretende ser libertado.”

A carta de Yücel aparece dias depois da visita do primeiro-ministro da Turquia, Binali Yildirim, à Alemanha. Durante um discurso controverso, argumentou que os alemães de origem turca devem votar “sim” num referendo que pretende dar mais poder ao presidente Erdogan.