EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Turquia encerra embaixada e promete mais consequências à Holanda

Turquia encerra embaixada e promete mais consequências à Holanda
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O embaixador holandês não é bem-vindo em Ancara, pelo menos para já – a reação do governo turco à proibição de dirigentes turcos fazerem propaganda na Holanda.

PUBLICIDADE

O embaixador holandês não é bem-vindo em Ancara, pelo menos para já – a reação do governo turco à proibição de dirigentes turcos fazerem propaganda na Holanda.

Numa outra aparente primeira retaliação, as autoridades turcas encerraram a embaixada holandesa em Ancara e o consulado em Istambul alegando razões de segurança.

Manifestações contra a Holanda eclodiram em frente à embaixada em Ancara.

Bandeiras turcas e gritos de apoio ao presidente Turco Recep Tayyip Erdogan que procura dotar-se de poderes executivos num referendo marcado para abril.

Em Istambul, a bandeira turca terá mesmo sido içada no consulado holandês.

Watch: Dutch consulate flag in Istanbul replaced by Turkish. Allahu Akbar shouts the man https://t.co/y3vSivhmn9#turkey#netherlands

— Michel Santos (@Cibereporter) March 12, 2017

Diversos países europeus impediram a realização de campanha dos dirigentes turcos – Alemanha, Áustria, Suíça, Holanda e Suécia.

À semelhança de Erdogan e outros dirigentes, o primeiro-ministro turco Binali Yildirim prometeu à Holanda uma resposta à altura.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Extrema-direita vence legislativas nos Países Baixos

Eleições legislativas nos Países Baixos marcadas para 22 de novembro

Rutte "deixa política" depois das legislativas