A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Carlos, o Chacal: Uma vida e três sentenças de prisão perpétua

Carlos, o Chacal: Uma vida e três sentenças de prisão perpétua
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Ramirez Sanchez, conhecido como Carlos o Chacal, cumpre duas sentenças de prisão perpétua e poderá vir a ser condenado a uma terceira.

O venezuelano é acusado de lançar uma granada num espaço comercial de Paris em 1974. Duas pessoas morreram e 34 ficaram feridas. Diz-se inocente e nega qualquer envolvimento no caso. Um crime que demorou anos a chegar a julgamento já que foi arquivado por falta de provas e reaberto, posteriormente, aquando da sua captura em 1994.

O Chacal já foi considerado o fugitivo mais procurado do mundo. Foi condenado por uma série de ataques levados a cabo nos anos 70 e 80 em nome da organização: Frente Popular para a Libertação da Palestina. Cumpre as duas penas numa prisão em França – a decisão final deste julgamento vai ser conhecida esta terça-feira.