EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Por 25 segundos: Eliud Kipchoge já fala em "próxima oportunidade"

Por 25 segundos: Eliud Kipchoge já fala em "próxima oportunidade"
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Queniano participou em prova organizada em no circuito italiano de Monza. Recorde continua nas mãos de compatriota Dennis Kimetto.

PUBLICIDADE

Com agências

O objetivo era correr a maratona em duas horas e o queniano Eliud Kipchoge quase conseguiu.

Ficaram a faltaram-lhe apenas 25 segundos. O atleta, de 32 anos, correu este sábado no autódromo italiano de Monza.

O queniano ainda passou aos 30 quilómetros com um tempo base que lhe permitiria fazer as duas horas, mas, aos 35, já estava com cinco segundos de atraso e alguns sinais de sofrimento.

Today is the day to celebrate a great champion This night EliudKipchoge</a> will attempt sub2 <a href="https://twitter.com/hashtag/marathon?src=hash">#marathon</a> <a href="https://twitter.com/runnersworldITA">runnersworldITA stay tuned! #breaking2pic.twitter.com/bDbfGZriEn

— Rosario Palazzolo (@rossrunners) 5 de maio de 2017

A prova foi organizada por uma conhecida marca desportiva e o tempo realizado por Kipchoge não é reconhecido pela Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAFF, sigla em inglês). Depois da prova, Kipchoge mostrou-se feliz e satisfeito, explicando que acredita na importância de uma boa preparação para conseguir eliminar, numa próxima oportunidade, os 25 segundos.

Mas, por agora, o recorde do mundo continuará nas mãos do compatriota, Dennis Kimetto, que venceu a Maratona de Berlim em 2014, ao completar a prova em duas horas, dois minutos e 57 segundos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Recordista mundial da maratona Kelvin Kiptum morre aos 24 anos em acidente

Oscar Pistorius libertado da prisão

Edwin Kiptoo é o novo recordista da Maratona Autêntica de Atenas