A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Irão batalha contra conservadores nas presidenciais

Irão batalha contra conservadores nas presidenciais
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Em defesa do acordo sobre o programa nuclear e do fim do isolamento do Irão – os principais argumentos do atual presidente iraniano e candidato a mais um mandato. Num comício num estádio de Teerão, Hassan Rohani, atacou os que criticam a sua política. O escrutínio do dia 19 é visto como um teste à abertura do país ao mundo. Rohani explicou que não vai deixar “o Irão ficar isolado novamente. Queremos ter uma interação construtiva e efetiva com o mundo”, concluiu.

O terceiro e último debate televisivo, na sexta-feira, entre os seis candidatos, ficou marcado por virulentos ataques sobre a política internacional do país e acusações de corrupção e má gestão.O líder religioso Ebrahim Raissi e o outro conservador, Mohammad Ghalibaf, presidente da câmara municipal de Teerão, também acusaram o governo de ter abandonado os pobres.