Tempestade mortífera assola Moscovo

Tempestade mortífera assola Moscovo
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
PUBLICIDADE

A cidade de Moscovo permanece em alerta meteorológico após a violenta tempestade que provocou, esta segunda-feira, pelo menos 13 mortos e mais de 60 feridos.

Une publication partagée par Veronika (@mellyzzzent) le 29 Mai 2017 à 6h41 PDT

Os ventos ciclónicos de 22 metros por segundo (80km/h), destruíram árvores e postes de eletricidade, arrastaram chapas de metal de telhados e edifícios e derrubaram mesmo gruas da construção civil, deixando mais de 7 mil pessoas sem eletricidade.

A proteção civil prossegue as tarefas de limpeza quando uma nova tempestade poderia voltar a cruzar a cidade durante esta noite, segundo os serviços meteorológicos.

#Ураган в Москве валит башенные краны
Видео из инстаграмма pic.twitter.com/nUtpKTkaOZ

— Evgeni (@evgeni4252) May 29, 2017

Ураган в Москве pic.twitter.com/FnNM1Ra2d0

— Russia Moscow (@RussiaMoscow) May 29, 2017

A intempérie bloqueou igualmente várias vias de acesso à capital, entre estradas e caminhos de ferro, provocando atrasos no tráfego do aeroporto de Moscovo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia aborta lançamento do foguetão Angara-A5 a minutos da descolagem

Rússia e Cazaquistão vivem "piores cheias em décadas"

Centenas de russos protestam contra “inércia” das autoridades após inundações