EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Londres: Incêndio em torre de apartamentos mata pelo menos 6 pessoas

Londres: Incêndio em torre de apartamentos mata pelo menos 6 pessoas
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As autoridades acreditam que o número de vítimas mortais vá aumentar ao longo do dia.

PUBLICIDADE

Pelo menos seis pessoas morreram e mais de 74 ficaram feridas, 20 estão em estado crítico, na sequência do incêndio na torre Grenfell, perto de Notting Hill, na zona oeste de Londres.

As autoridades acreditam que o número de vítimas mortais vá aumentar, ao longo do dia pois estima-se que alguns dos mais de 500 residentes terão ficado presos no interior do edifício de 24 andares.

#GrenfellTower

— 6 people dead
— 74 patients in hospital; 20 in critical condition
— Many more still missing
https://t.co/P2U8k0J72Gpic.twitter.com/vUrgJSbx8C

— Andy Dangerfield (@andydangerfield) June 14, 2017

A combater as chamas estão mais de duas centenas de bombeiros, apoiados por 45 camiões autotanques.

“Os meus pensamentos e as minhas orações, e acredito que os pensamentos e orações de todo o país, estão com as famílias e os amigos dos residentes deste edifício afetados por este horrível fogo. Quero prestar, também, um tributo aos fantásticos serviços de emergência, aos bombeiros – temos mais de 250 bombeiros, muitos estão aqui desde o início… E, também, ao Serviço de Ambulâncias, aos mais de 100 paramédicos que estão a ajudar e aos mais de 100 polícias”, referiu o autarca de Londres, Sadiq Khan.

Entre os feridos estão duas crianças portuguesas, que se encontram hospitalizadas. De acordo com a Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas, as duas meninas de 11 e 13 anos estão fora de perigo.

Os restantes 8 portugueses que residiam no edifício já foram localizados e estão bem.

O fogo deflagrou antes da uma da manhã, desta quarta-feira, e as autoridades desconhecem ainda as causas do sinistro.

Muitos dos residentes, que conseguiram fugir, criticam as condições de segurança do edifício, construído nos anos 70 do século passado, alvo de renovações em 2016.

A primeira-ministra britânica, Theresa May referiu que “extremamente triste pela trágica perda de vida na Torre de Grenfell”.

PM is deeply saddened by the tragic loss of life at Grenfell Tower. Her thoughts are with all those affected and the emergency services.

— UK Prime Minister (@Number10gov) June 14, 2017

O líder do Partido Trabalhista, Jeremy Corbyn diz estar “devastado”

Devastated to see what’s happened at Grenfell Tower. My thoughts are with those affected. Thank you to our firefighters & emergency services

— Jeremy Corbyn (@jeremycorbyn) June 14, 2017

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rei Carlos III volta aos compromissos públicos na próxima semana

Ex-advogado torna-se no artista LEGO mais famoso do mundo

Rishi Sunak saúda recuperação das instituições autónomas na Irlanda do Norte