Síria: Rússia diz que caças dos EUA podem ser "considerados alvos"

Síria: Rússia diz que caças dos EUA podem ser "considerados alvos"
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Rússia anunciou a suspensão da cooperação com os Estados Unidos para prevenir acidentes aéreos na Síria.

PUBLICIDADE

A Rússia anunciou a suspensão da cooperação com os Estados Unidos para prevenir acidentes aéreos na Síria.

Moscovo indicou também que todos os aviões da coligação internacional liderada por Washington que voem a oeste do rio Eufrates “serão seguidos” e “considerados como alvos” pela defesa antiaérea e pela aviação russa.

O anúncio foi feito depois de, este domingo, um caça norte-americano ter abatido pela primeira vez um avião do Exército sírio na região de Raqqa, com o Estados Unidos a acusarem Damasco de ter bombardeado os seus aliados na Síria.

A Rússia, aliada do regime de Bashar al-Assad, conta com sistemas de defesa antiaérea e dezenas de caças e bombardeiros que apoiam Damasco desde o setembro de 2016.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Duas crianças entre os seis mortos após bombardeamentos de Assad em Idlib

Região rebelde de Idlib bombardeada após ataque em Homs

Ataque aéreo provoca várias vítimas mortais num mercado no noroeste da Síria