A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Explosão de carro armadilhado no Afeganistão causa mais de vinte mortos

Explosão de carro armadilhado no Afeganistão causa mais de vinte mortos
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A explosão de um carro armadilhado no Afeganistão causou a morte a mais de vinte pessoas. Há registo de dezenas de feridos. O ataque ocorreu esta segunda-feira, pela manhã, num bairro chiita de Cabul, a capital afegã.

A informação foi avançada pelo ministério do interior afegão. O carro armadilhado embateu contra um autocarro que transportava empregados do ministério das Minas.

O Afeganistão tem sido palco de uma espiral de violência nos últimos meses. Na primeira metade do ano, pelo menos 1662 duas pessoas perderam a vida em atentados.

Há duas semanas, a organização Estado Islâmico reivindicou um ataque contra uma mesquita que matou pelo menos quatro pessoas.

Em maio, um atentando com uma tonelada e meia de explosivos matou 150 pessoas no bairro das embaixadas em Cabul.

Num país marcado por fortes divisões étnicas, a onda de violência poderá ter consequências políticas, no curto prazo.

De acordo com um analista citado pelo jornal “Le Monde”, a população tajique começa a questionar a presidência de Ashraf Ghani, de origem pachtun.